Prefeitura de Sorocaba cria o programa “Centro Mais Seguro – Tolerância Zero”

PORTAL RMSNRES.COM.BR

A Prefeitura de Sorocaba fez o lançamento, na tarde desta sexta-feira (6), do programa “Centro Mais Seguro – Tolerância Zero”. Em ato na Praça Coronel Fernando Prestes, o prefeito Rodrigo Manga assinou o Decreto nº 26.318/2021, criando essa iniciativa, que já começou a operar de imediato e tem como objetivo ampliar e integrar cada vez mais as ações de segurança pública na cidade, a partir da região Central.

A coordenação das iniciativas está a cargo da Secretaria de Segurança Urbana (Sesu) e Guarda Civil Municipal (GCM), em parceria com as Polícias Militar, Civil e Federal e, ainda, com acompanhamento de equipes das Secretarias de Governo (Segov), Cidadania (Secid), Saúde (SES), Serviços Públicos e Obras (Serpo), Planejamento (Seplan), Mobilidade e Desenvolvimento Estratégico (Semob), Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) e da Controladoria Geral do Município.

“A Prefeitura vai fazer tudo o que estiver ao seu alcance, dentro da legalidade, para garantir que as policias realizem seus trabalhos da melhor forma possível”, destacou o prefeito Rodrigo Manga, em seu discurso. O novo modelo começa a ser implantado de imediato, em virtude da expectativa de maior movimento no comércio, em decorrência das compras para o Dia dos Pais.

A proposta é otimizar recursos e unir a ação das forças policiais que atuam na cidade, em especial no Centro. “Definimos uma estratégia de ação para atender o cidadão. Não tenho dúvida de que o programa será um sucesso. A partir de hoje, o Centro passa a ser um lugar mais seguro”, apontou o secretário de Segurança Urbana, Coronel Vitor Gusmão.

Modelo de segurança

O modelo de segurança do programa “Centro Mais Seguro – Tolerância Zero” é baseado na divisão da região central em círculos concêntricos, cada um com um tipo de policiamento específico. O Centro expandido, abrangendo a área formada entre a Rodoviária, Mercado Municipal e as Ruas Souza Pereira e Arthur Gomes, terá patrulhamento com viaturas motorizadas.

Uma área mais restrita dentro dessa, envolvendo Fórum Velho e as ruas da Penha e Miranda Azevedo, receberão equipes a cavalo. Já, pelas calçadas, na região de bulevares e na Rua da Penha, vão atuar as patrulhas com cães e o miolo central da cidade terá reforço no policiamento preventivo e ostensivo a pé.

Também foram criados três pontos de estacionamento de viaturas, um deles no Largo São Bento, outro no Largo do Rosário e um na Praça Coronel Fernando Prestes. Uma viatura específica será destacada para acompanhar a abertura e fechamento do comércio. Outra novidade é que todas as viaturas de patrulhamento passarão pelo Centro de Sorocaba, reforçando a segurança nos períodos diurno e noturno.

O programa “Centro Mais Seguro – Tolerância Zero” inclui, também, a atuação de agentes do Setor de Fiscalização de Posturas da Prefeitura e da Polícia Civil, para apurar e identificar locais suspeitos de práticas de atividades irregulares ou ilegais. Em contrapartida, a Polícia Federal dará apoio em ações para coibir a venda de cigarros contrabandeados. Caso haja necessidade, o helicóptero Águia, da PM, estará disponível para dar suporte aéreo em ocorrências.

“Sou comerciantes há 30 anos e faz muito tempo que estávamos esperando um plano de ação como esse”, frisou Fernando Magri, que representou os comerciantes do centro da cidade, durante o evento, assim como o presidente da Associação Comercial de Sorocaba (ACSO), Sérgio Reze. “Trata-se de uma atitude que deve ser referenciada e referendada”, complementou este último.

O ato

A união das forças policiais pôde ser evidenciada no ato de lançamento do programa “Centro Mais Seguro – Tolerância Zero”, com a presença de integrantes de diferentes corporações que atuam em Sorocaba.

Participaram da solenidade: o Coronel Aleksander de Lacerda, à frente do Comando de Policiamento do Interior – CPI-7; o delegado da Polícia Federal em Sorocaba, Rogério Giampaoli; o delegado secional da Polícia Civil de Sorocaba, Mauro Guimarães Soares; a delegada Veraly de Fátima Bramante Ferraz, da Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Sorocaba; o delegado Weldon Carlos da Costa, representando o Departamento de Polícia Judiciária do Interior (Deinter-7); o Comandante do 14º Batalhão de Ações Especiais de Polícia (Baep), Tenente-coronel Kleber Vieira Pinto; o Comandante do 5º Batalhão de Polícia Rodoviária, Tenente-coronel Hugo Araújo Santos; o Comandante Interino do 7º Batalhão de Polícia do Interior (7º BPM/I), Major Douglas Ribeiro Alves; o Comandante da Polícia Ambiental de Sorocaba, Capitão Felipe José Leme, e o Comandante da Guarda Civil Municipal (GCM) de Sorocaba, Henrique de Agrella.

A cerimônia contou, ainda, com a presença da primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade (FSS), Sirlange Frate Maganhato; diversos secretários municipais; do deputado federal Capitão Derrite; do deputado estadual Douglas Garcia; do secretário de Esportes do Estado de São Paulo, Aildo Rodrigues; do presidente da Câmara Municipal de Sorocaba, Cláudio Sorocaba, e dos vereadores Fábio Simoa, Ítalo Moreira, Vitão do Cachorrão, Cristiano Passos, Dylan Dantas e Cícero João.

VEJA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

PREMIO MELHORES DE 2021
RMS NEWS SHOPPING

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist