Prefeitura publica edital de chamamento para projeto de construção do Complexo Hospitalar Municipal

PORTAL RMSNEWS.COM.BR

Sorocaba terá o primeiro Hospital Municipal da história! Essa inédita conquista será possível após a Prefeitura publicar, na edição de quinta-feira (5) do Jornal do Município, o edital de chamamento público destinado ao desenvolvimento e apresentação de projeto para a construção de um Complexo Municipal de Saúde. A área também contará com um Centro de Diagnósticos, almoxarifado, sede administrativa da Secretaria da Saúde (SES), garagem e a nova Policlínica.

As instituições deverão apresentar a manifestação de interesse e requisição de autorização até às 16h do dia 8 de setembro de 2021. Mais informações devem ser solicitadas exclusivamente pelo e-mail: cadi@sorocaba.sp.gov.br ou pelo telefone: (15) 3238-2141, do Centro de Aceleração Desenvolvimento e Inovação (CADI), da Secretaria da Administração (Sead) da Prefeitura de Sorocaba.

Na mesma edição do Jornal do Município, a Prefeitura de Sorocaba, por meio CADI, junto à Sead e à SES, também publicou a portaria que cria a Comissão Especial de Análise da Manifestação de Interesse da Iniciativa Privada do Novo Complexo Hospitalar de Sorocaba, destinada a definir as diretrizes e instruções do chamamento público, análise e julgamento das propostas apresentadas.

Para o prefeito de Sorocaba, Rodrigo Manga, a cidade necessita desse complexo há anos e, finalmente, esse sonho poderá ser realizado em prol da população. “A implantação desse Complexo Hospitalar é realmente uma necessidade. Dessa forma, fortaleceremos a rede municipal de saúde, contribuindo para o direito à assistência do cidadão sorocabano”, destaca.

O secretário da Saúde, Dr. Vinicius Rodrigues, salienta a tarefa do SUS na cidade. “Com o novo Complexo Hospitalar, vamos promover, proteger e recuperar a saúde da população, garantindo atenção qualificada e contínua em nossa rede”, garante o secretário.

Complexo Hospitalar

Com previsão do início de implementação já no ano de 2022, na área da antiga garagem da TCS, no Jardim Betânia, o Complexo Hospitalar será composto pelo Hospital Municipal, o Centro de Diagnósticos, almoxarifado, sede administrativa da Secretaria da Saúde (SES), garagem e a nova Policlínica.

A construção do Hospital Municipal terá como objetivo diminuir o déficit de leitos clínicos e de UTI que ocorre, há anos, na cidade, além de promover e ampliar a assistência de saúde pública. Na mesma área, também será construída uma nova Policlínica de Especialidades, para ampliar o atendimento a toda população.

Já, o Centro Municipal de Diagnósticos possibilitará reduzir custos, tanto dos exames laboratoriais e de imagem dos pacientes internados, quanto dos exames ambulatoriais eletivos. A unidade ainda deve contemplar todas as modalidades necessárias ao município, desde análises clínicas, como também densitometria óssea, ecocardiografia, eletrocardiografia, endoscopia, colonoscopia, estudo urodinâmico, Holter, M.A.P.A., mamografia, métodos gráficos cerebrais, radiologia convencional e contrastada, ressonância nuclear magnética, teste ergométrico, tomografia computadorizada, além de ultrassonografia comum e com Doopler.

O Almoxarifado Central da Saúde será deslocado para a nova área do Complexo Hospitalar. Atualmente, a Sala Central de Vacinas e o almoxarifado da Saúde de Sorocaba funcionam na Zona Leste de Sorocaba, a 12 km de distância do futuro Hospital Municipal. O deslocamento da estrutura de almoxarifado para o mesmo terreno onde estará localizado todo o restante do Complexo Municipal de Saúde possibilitará economicidade, tanto financeira, quanto de tempo de deslocamento de equipamentos e insumos.

Visando centralizar o comando de todas essas estruturas e também otimizar a gestão pública, o Complexo Municipal da Saúde deve contar com prédio administrativo que suporte as seguintes estruturas: Gabinete do Secretário, Divisões Administrativas, Divisões de Gestão da Rede Assistencial, Administração do Serviço de Acamados, Central de Urgência e Emergência, CEREST (Centro de Referência em Saúde do Trabalhador), Divisão de Educação em Saúde, Vigilância Epidemiológica, Vigilância Sanitária, Zoonoses, Gestão de Frota e estacionamento da frota da Secretaria Municipal da Saúde. Além disso, futuramente, pensando em melhores modelos de governança, tal centralização possibilitará que seja discutida a criação de uma autarquia da saúde municipal.

O projeto também contempla vagas para automóveis pequenos e médios, respeitando a proporcionalidade para idosos, gestantes e portadores de necessidades especiais, em número suficiente para atender todo o Complexo Municipal de Saúde, sem impacto no trânsito local.

VEJA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

PREMIO MELHORES DE 2021
RMS NEWS SHOPPING

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist