Secid forma 1ª turma de adolescentes aprendizes do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI)

PORTAL RMSNEWS.COM,BR

A Secretaria da Cidadania (Secid), com o apoio do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) e parceria da iniciativa privada, realizou, nesta sexta-feira (17), a formatura da 1a turma do curso de preparação para o trabalho de aprendiz do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI).

Foram formados nove alunos nesta primeira turma, com idades entre 12 e 17 anos.

A cerimônia de formatura foi realizada na Pastoral do Menor do bairro Ana Paula Eleutério, onde os adolescentes residem e onde foi promovidoo curso, denominado “Projeto Novos Horizontes”.

A iniciativa partiu do Núcleo de Atendimento do PETI, formado por equipe da Secretaria da Cidadania (Secid) neste ano, contando com a parceria do ITEM – Instituto Técnico Educacional Mirian Menchini.

“Os cursos foram realizados em uma abordagem para preparação ao ingresso no mercado de trabalho, com foco na atuação desses adolescentes como jovens aprendizes, conforme é permitido pela lei”, disse Virgínia Theotônio, assistente social da Secid e coordenadora do Núcleo de Atendimento PETI (Napeti).

Entre as capacitações oferecidas, estavam curso de Informática Básica, preparação para entrevista de trabalho e orientações para o trabalho, incluindo a preparação de currículo. “Cada aluno também foi recebendo orientações individuais pela equipe, conforme necessidade individual”, completou Virgínia.

O evento de formatura ainda contou com um convidado especial, o ex-jogador de futebolEvair, que atuou em clubes, como Palmeiras, Guarani e São Paulo, além da Seleção Brasileira. Evair fez um breve relato de sua trajetória de vida, seu início no futebol e falou sobre a importância de buscar sempre boas referências. “Pode ser que você encontre um trabalho que não terá impacto para o País, mas terá para você mesmo, para a sua família e as pessoas que você mais gosta”, resumiu o jogador.

Além do certificado, cada aluno recebeu uma bola, doada pela loja Loucos por Futebol, e todos os formandos fizeram questão de pedir o autógrafo do ídolo esportivo.

“Este foi o primeiro passo de um trabalho que, certamente, terá continuidade e que esperamos que consiga modificar o destino de muitas crianças e jovens”, finalizou o secretário municipal da Cidadania, Clayton Lustosa.

Agora, o Napeti já estuda onde e quando será o próximo curso e a maior probabilidade é que aconteça no bairro Vitória Régia, também na Zona Norte da cidade, onde já foi identificada a presença de famílias em situação de vulnerabilidade para a questão do trabalho infantil. A ideia é que, assim como aconteceu neste primeiro curso, não apenas crianças e adolescentes diretamente envolvidos com essa problemática participem, mas também irmãos e outras pessoas próximas igualmente se beneficiem do projeto, influenciando positivamente o núcleo de convívio de todos.

VEJA TAMBÉM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

PREMIO MELHORES DE 2021
RMS NEWS SHOPPING

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist